A visita

 

Empresa que quer eficiência

Qualifica seus funcionários.

E com Geraldo não foi diferente.

Rapaz inteligente, esforçado e dinâmico.

Foi fazer um curso de vendas

Financiado pela empresa.

 

Mas havia dias Geraldo andava cabisbaixo.

Triste e solitário, pois perdera o irmão.

Achou boa a ideia do curso.

Complementaria seus afazeres.

 

No primeiro dia de aula, fez amizade.

Com um rapaz descontraído, e alegre.

Ficaram parceiros, e sempre no início

Das aulas estavam juntos.

Trocaram até cartões de visita das empresas.

 

O instrutor do curso pedia trabalhos em grupo.

E lá estava Geraldo e seu amigo juntos.

E assim o curso se desenvolvia.

 

Quando já com mais de quinze dias de curso,

Em uma das aulas, Geraldo notou a falta do amigo.

Mas não se preocupou.

 

Contudo a falta do amigo continuou nas outras aulas.

Geraldo, já acostumado com o amigo, sempre juntos…

Comparava-o a seu falecido irmão.

Nas brincadeiras, nos gestos, na fala.

E os dias se passando e nada do amigo.

 

Geraldo então foi até o instrutor.

E perguntou do amigo.

Para sua surpresa e espanto,

O instrutor disse que tal pessoa não existia.

Mostrou até a lista de presença e não constava

O nome do amigo de Geraldo.

Nossa, que assombroso!

 

Geraldo, assim, ao término do dia,

Resolveu ligar, pois tinha o contato da empresa

Do amigo. E foi até a um telefone público.

E discou. Alguns momentos depois, do outro lado da linha,

Alguém perguntou: “Pois não?”

 

Geraldo então perguntou do amigo.

Tamanho foi seu susto, medo, terror e pavor.

Quando ouviu: “Aqui é residência.

E não tem ninguém com esse nome, passar bem”.

 

Geraldo só pensou em seu irmão.

 

 

*Germano Gonçalves é escritor, autor, entre outros livros, de “O Ex-excluído – poema e prosa”. Confira mais no blog da editora SOMADI, clicando aqui.

2 comentários para “A visita”

  1. Paulo Paterniani

    Belo , Germano . Brincar com o real , é provilegio dos grandes escritores !!

  2. Paulo Paterniani

    Belo , Germano !! Brincar com o real , é privilégio dos grandes escritores !!

Comentário