O nome dela

 

Como é que se escreve, mesmo? Com cê ou com dois esses? Não sei, não faço ideia, mistérios da ortografia.

Sei que ela surgiu aquela noite, quando eu já não esperava por mais nada nem ninguém e me conformava com aquilo que até basta, mas não encanta. Como trabalho que se executa com correção, mas sem paixão; como remédio de enfermo, por obrigação.

Ela se sentou e sorriu, timidamente. Então eu vi a lua clara saltar janela da sala adentro, quicar tremeluzindo duas vezes no assoalho escuro e tomar assento no colo dela. Eu vi o mundo de uma forma diferente, mais bonita, mais inocente, embora nada houvesse mudado nele, a sala simples, sem luxo, de paredes de um branco já meio sujo, o rugido, o guincho selvagem do expediente comercial que agonizava lá fora.

Gosto de vê-la se curvar para ouvir com atenção o que a gente fala, e tomar a palavra erguendo o tronco, sacudindo levemente os ombros, para dizer só coisa bonita. Admiro-a sorrindo com os olhos, sem dizer palavra. Já notei também mais um monte de coisa bonita nela, os…, a… Mas não vou dizer aqui, não, fica em segredo. Os olhos dela ficam bem miudinhos atrás dos óculos de lentes grossas, eu vi outro dia. Deve sofrer de miopia brava, como meu irmão.

Eu não sei o que faz despertar na gente esse sentimento meio doido e meio bobo, esse alvoroço são, ou quase, que faz a gente escolher a roupa melhorzinha que tem no guarda-roupa sintético, começar dieta de baixa caloria e academia de alto impacto. Eu, que sempre gostei de gostar de alguém e ando tão desconfiado e descrente desse sentimento sem nem cê nem dois esses, a que se dá o nome de amor.

Esse texto, mesmo, já estou meio arrependido de tê-lo escrito. Por quê? Para quê?

O nome dela. Quem sabe, talvez, um dia, eu saiba, eu possa escrever certo.

Um comentário para “O nome dela”

  1. Shellah Avellar

    Shellah Avellar

    O AMOR NAO TEM DOIS ESSES
    Já tava com saudade deste romantismo a antiga e desenhos literários,da verve "Azevédica".Que a Cissa cesse de ser esse cicio,e sussurre sim ao seu suspiro,cessando seu cio.kkk…bjkas kosmikas!Delicia de Texto.

Comentário