Verso do sim

 

Quando respondi sim,

Disse SIM.

Um sinzão.

Não foi um sim cinza,

nem um sim-não.

Foi um sim-sim,

sem senão.

Um SIM grandão.

Um sim gostoso,

brilhoso

e com muito gozo.

 

 

*Joás Ferreira é jornalista e escritor. Contato: [email protected]

Um comentário para “Verso do sim”

  1. Ellen Maria

    Rapaz!!! Isso que é Sim, o resto é mais ou menos.
    Belo poema.

Comentário